Dias das Mães: A força da minha mãe é meu guia

Lorena e a mãe Célia: com história de superação e amor, mãe é inspiração para filha (Foto: Arquivo Pessoal)

Perguntamos às nossas leitoras e aos nossos leitores: Sua mãe inspira outras pessoas? Relatos de histórias de superação, coragem e amor encheram nossa caixa de mensagens. Uma delas, em especial, chamou a atenção pela forma e emoção que consegue emanar a partir de um texto único.

Confira a história enviada pela leitora Lorena Possas Ramos, de Curitiba. É uma homenagem para sua mãe, Célia Regina Possas.

Sua mãe inspira outras pessoas?

Descrever a minha mãe é um beco sem saída. Suas dores são marcas que não podem sair, nem que o tempo insista em passar. Com apenas sete anos, sua filha mais nova faleceu por erro médico. Uma tragédia que abalou seu coração, sacudiu seus sentimentos, destroçou sua alma.

Anos depois, sofreu uma agressão por parte de um namorado. Seu coração abalado, quebrado e despedaçado sofreu ainda mais.

Mas, como ela sempre diz, um coração que emana amor só recebe amor. E esse é o seu coração. O tempo, tão odiado por todos, foi generoso com ela. Reconstruiu seu coração e dia após dia só o enche de amor. Eu não consigo descrevê-la, pois sua força é o meu guia. Sua capacidade de cair e levantar, se reconstruir, é inacreditável. Sua capacidade de amar vence qualquer limite.

Leia também: Aplicativo conecta mulheres que querem doar e receber óvulos

Ela é puro amor. Ela é o sorriso que você acha que não pode mais dar, a lágrima que seca e se transforma em um mar de carinho.

Ela é minha mãe, vencedora. Que atravessou mares de dor, lutou contra monstros indescritíveis e mesmo assim, me ensinou a continuar amando e acreditando que a vida é sempre bondosa, não importa as perdas e dores.

A vida sempre vai te retribuir com uma luz brilhante que diz: você é feita de amor, continue amando e seu coração estará bem.

Ela é minha inspiração e a inspiração de todos que a conhecem. Sua história é força, sua história é luta, mas acima de tudo, é puro amor.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*