Fotógrafa registra nascimento de bebês em maternidade pública

Momento do nascimento de bebês é acompanhado no projeto Parto Delas (Foto Luciana Zenti)

O primeiro abraço do bebê, o nascimento na posição que a mãe se sente melhor, as pausas para aliviar a dor e a espera. Essas imagens são parte do projeto Parto Delas, da fotógrafa e jornalista Luciana Zenti, de Curitiba. Desde 2016, ela registra partos humanizados, realizados através do Sistema Único de Saúde (SUS), na Maternidade Bairro Novo.

Foram cerca de 30 partos acompanhados o longo do ano passado. O trabalho busca, conforme a profissional, divulgar boas práticas na área. “É um projeto pessoal, mas com objetivo de fortalecer o atendimento humanizado no SUS. As pessoas ficam animadas em participar”, comenta Luciana, ao assinalar que a proposta visa incentivar outras maternidades a seguirem o exemplo do parto humanizado e, ainda, sensibilizar governantes sobre a necessidade de investimento na área.

Para fazer esse trabalho, Luciana fez formação como doula e procura entender cada vez mais sobre o processo dos partos. No mergulho fotográfico para captar nascimentos, ela não se incomoda em acompanhar as gestantes no ritmo delas. “Ao chegar na maternidade, conheço s mulheres que estão em trabalho de parto e peço autorização para acompanhar o nascimento do bebê. Conto sobre o projeto, mostro fotos e acompanho, se me autorizarem, o período todo que durar – seja uma hora ou horas”, diz. Luciana já chegou a ficar 26 horas registrando um mesmo parto.

“Converso, dou apoio. A fotografia de parto é muito sensível, qualquer palavra que você diz tem um impacto grande na mulher. Hoje em dia, além de atualização e estudos, me dedico muito a estudar partos. É essencial para quem quer trabalhar com isso”, sustenta.

Nova etapa do projeto focará também nas equipes que acolhem as gestantes (Foto Luciana Zenti)

Luciana retomou a produção fotográfica na Maternidade Bairro Novo em setembro. Nesta nova etapa, o foco deve ir além das mães. A ideia agora é registrar também as equipes de saúde que acolhem as gestantes.

As fotos do projeto, que já resultaram em diversas exposições, podem ser conferidas no site www.partodelas.com.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*